11
Maio
09

O Sudoeste encantado: Périgord, Quercy e Gasconha

Se, por acaso, ainda não programou a sua viagem de férias para este ano, aqui lhe deixamos a nossa sugestão:
Pode iniciar a mesma entrando por Andorra; Saia por Pas-de-la-Casa e siga para Toulouse. É a cidade mais importante do sudueste Francês. É um grande centro universitário e industrial. Toulouse é famosa pela sua industria espacial ligada à construção do Concorde, Airbus e foguetão Ariane.
Não deixe de visitar Les Jacobins a Basilica de St-Sernin do séc-XII e a Cité de l’Espace(cidade do espaço). Muito mais lhe poderíamos recomendar mas, descubra por si, e, verá que não perdeu tempo!
De Toulouse siga para Albi, e, admire a maravilhosa catedral fortaleza! Deixe Albi e vá apreciar Montauban, uma das muitas cidades fortaleza construídas no início da guerra dos 100 anos!
Ainda com Montauban na retina vá até Moissac. É uma aldeia onde um monge beneditino no séc. VII fundou a abadia de St. Pierre cujo portal sul do séc. XII é uma obra prima da escultura românica. Os claustros são do mais belo no género; todas as colunas são diferentes.
Deixada Moissac espera-o Cahors: É uma cidade com a bonita idade de 2000 anos! Aqui se fazia a defesa do rio Lot. A cidade antiga, de ruas estreitas e a catedral de St. Etienne, a maison de Roaldés e imperdível a Pont Valentré fortificada: Sete arcos séc. XIV! Se puder não perca St. Cirq-Lapopie, uma aldeia que foi recuperada pelos artistas de França: Vá, percorra as ruas com calma.
Rocamadour é a próxima paragem que lhe recomendamos. É um dos mais famosos centros de peregrinação. No séc. XII, foi descoberta uma sepultura com o corpo intacto que se dizia ser do ermita St. Amadour.
Todo o santuário se encontra encastrado na grande ravina rochosa. Suba ou desça a via sacra com as doze estações da paixão de Cristo. Na capela de Notre-Dame encontrará uma imagem da Virgem Negra a mais venerada de França!
Nos arredores de Rocamadour encontra-se o Gouffre de Padirac. Trata-se de uma enorme cratera de 90 metros de largura originada pela queda do tecto de uma gruta. Possui uma sucessão de galerias fantásticas que tem sido uma das maiores atracções da região! Visite e ande de barco no rio subterrâneo que as percorre!
Se, se interessa por grutas pré-históricas vá até Lascaux onde poderá apreciar uma das mais belas. Mas antes pare em Sarlat-le-Caneda porque é a cidade com maior concentração de fachadas medievais e renascentistas do séc. XVII. Vaguei pelas suas ruas calmamente e, não deixe de ir à grande praça à noite: O ambiente é fantástico e há sempre uma ou outra surpresa!
Termine o passeio em Perigueux. Vsite a catedral de St. Front. Será com certeza o último choque para os sentidos.
É um passeio relativamente curto, deve ser feito de forma calma e, necessita de algum tempo.

Informação de áreas para apoio.

Albi – Av. Albert Thomas – área gratuita+serviços+estacionamento noturno/9 lugares
Montauban – Route de St. Antonin – área gratuita+serviços+estacionamento noturno/10 lugares
Moissac – N 113 área municipal ile de Bidounet – área gratuita+serviços+estacionamento noturno
Cahors – Saida sul da cidade dpois da ponte Louis Philipe – área gratuita+serviços+estacionamento noturno
Sarlat-le-Caneda – N704 à direita á entrada da cidade – área gratuita+serviços+estacionamento noturno
Perigueux – Rue de l’ Anciene Préfecture(no cais junto ao rio) – área gratuita+serviços+estacionamento noturno

Anúncios

0 Responses to “O Sudoeste encantado: Périgord, Quercy e Gasconha”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: